Descobrimento do Brasil: Uma breve história da saúde pública do país

Hoje, dia 22 de abril é comemorado o descobrimento do Brasil. Em 1500, os portugueses chegaram a nossas terras, comandados por Pedro Álvares Cabral. Com a chegada das caravelas vindas da Europa, outras doenças vieram de carona, atingindo os povos indígenas do nosso país.

Sem imunidade para enfrentar as novas patologias, milhares de índios morreram.

Na época, os poucos médicos do Brasil eram estrangeiros e normalmente atendiam as classes sociais mais altas. Índios, negros e a classe trabalhadora dificilmente tinham alguma assistência médica.

Com a chegada da família Real portuguesa em 1808, foram criados as Escolas de Medicina, Cirurgia e Química, sendo os pioneiros: a Escola de Cirurgia do Rio de Janeiro e o Colégio Médico-Cirúrgico no Real Hospital Militar de Salvador.

Estas instituições foram criadas para tentar equivaler o atendimento feito em Portugal para a família real, não trazendo mais uma vez muitos benefícios à classe mais baixa da população brasileira.

Durante o império pouca coisa mudou e na república, principalmente no início dos anos 1900, muitas doenças tomaram conta do país. Problemas sanitários e pandemias, como a varíola, são exemplos das situações enfrentadas pela sociedade.

Muito se arrastou na questão de saúde publica, até a criação do Sistema Único de Saúde (SUS), na Constituição de 1988. Após 488 anos do descobrimento, pela primeira vez no país, buscou-se tratar a população brasileira de forma igualitária na saúde, através do artigo 196 da Constituição Federal:

“Art. 196. A saúde é direito de todos e dever do Estado, garantido mediante políticas sociais e econômicas que visem à redução do risco de doença e de outros agravos e ao acesso universal e igualitário às ações e serviços para sua promoção, proteção e recuperação.”

Hoje, na comemoração dos 521 anos, o Brasil está enfrentando um dos maiores desafios de saúde pública da sua história. Mais de 350 mil brasileiros já perderam a vida na pandemia da Covid-19.

Neste aniversário do Brasil, o setor público trabalha diariamente para vacinar toda a população e enfrentar esse desafio mundial.

Descobrimento do Brasil
Compartilhe esta notícia: